Ética e Direitos Humanos – Tertúlia

10 dezembro

Universidade de Aveiro, auditório Hélder Castanheira - 18:00 horas

 

A sessão "Ética e Direitos Humanos" será moderada por Ana Paula Pedro, membro do Conselho de Ética e Deontologia e professora do Departamento de Educação da UA.

José Manuel Pureza é investigador do Centro de Estudos Sociais, do qual é atualmente Presidente do Conselho Científico. É professor de Relações Internacionais na Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, onde coordena o Mestrado em Relações Internacionais e o Doutoramento em Política Internacional e Resolução de Conflitos. É igualmente coordenador científico do Programa de Doutoramento "Human Rights in Contemporary Societies", iniciativa conjunta do Centro de Estudos Sociais e do Instituto de Investigação Interdisciplinar da Universidade de Coimbra. Tem sido docente convidado em várias universidades estrangeiras: Universidad Torcuato di Tella (Buenos Aires), Pablo de Olavide (Sevilha), PUC de São Paulo e PUC do Rio de Janeiro, Universidad del País Vasco.

José Manuel Pureza é membro da Direção da Associação Portuguesa de Ciência Política e da Associação Portuguesa das Nações Unidas. Integra, como perito, o Painel de Árbitros para Disputas relativas a Recursos Naturais e/ou Ambiente do Tribunal Permanente de Arbitragem. É igualmente Conciliador no quadro da Convenção das Nações Unidas sobre o Direito do Mar. As suas prioridades de pesquisa incluem os Estudos para a Paz - designadamente as construções teóricas da paz e os estudos críticos sobre segurança - os direitos humanos e o direito internacional. 

João Maria André é professor catedrático da Faculdade de Letras (Departamento de História, Arqueologia e Artes) da Universidade de Coimbra, onde ensina nas áreas de Filosofia e do Teatro. É autor, entre outros livros, de Renascimento e Modernidade: do poder da magia à magia do poder, Sentido simbolismo e interpretação no discurso filosófico de Nicolau de Cusa, Pensamento e afectividade, Diálogo intercultural, utopia e mestiçagens em tempos de globalização. Traduziu ainda para português várias obras de Nicolau de Cusa. Além da atividade docente e de investigação, tem desenvolvido também a sua atividade como animador cultural, nomeadamente através da tradução, dramaturgia e encenação na Cooperativa Bonifrates de Coimbra e no Teatro Académico de Gil Vicente, de que foi Diretor de 2001 a 2005. 

No campo da poesia, João Maria André publicou Rostos suspensos, e Estilhaços em poemas.

A inscrição na sessão "Ética e Direitos Humanos" é gratuita, mas obrigatória para o endereço de correio eletrónico: cramos@ua.pt

 

Saiba mais aqui.

© copyright SNESup | Todos os direitos reservados

 
visitas